09/06/2013

Passou muito rápido

Hoje eu vi um bobo
Um tipo louco de bufão escancarado e barulhento
Bruto feito o tremor e sensível feito o artista
Ele era um fora do mundo vivendo imigrado

Não vi refrão no tempo desse movimento
Certo de que alma contida ele não tem
Dor com sorriso é mais bonito logo desde manhã, chorava.
Um pierrô sem colombina

De maus tratos uns cortes
De vida sorte
Cheio de passos pra dar
Foi olhando pra trás.

André Luz Gonçalves


Nenhum comentário:

Postar um comentário