14/04/2013

Platinela e Alfaia


( coco )
Pais e imã surda
Agora é você que me escuta
Romântico eu não sou filho da puta
Sei que minha marra te insulta
Mais eu vou te  revelar

Sei fazer coco, bossa e som de Angola.
Aqui a força eu boto pra fora
Por que o tempo movimento devora
Vamos correndo que embola
A cadeira requebrar
== ==
(Maracatu)
Deixa a paz dominar
A luz do som invadir
O vento saindo da nuca soprado
Até tudo que for bom invadir!

André Luz Gonçalves


Nenhum comentário:

Postar um comentário