08/09/2012

O desamor é sem cheiro, o desamor é sem gosto, o desamor é branco sem brilho, o desamor nasce no diafragma e não tem vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário