05/06/2012

É!...


É preciso beijar, mas qualquer boca não trará o gosto preciso 


do prazer indefinível.

 



Nenhum comentário:

Postar um comentário